Anúncios

quarta-feira, 30 de junho de 2010

Isto É Gente: U2 de cair o queixo

U2 360º at the Rose Bowl, o cinematográfico registro ao vivo da atual turnê, devolve ao quarteto de Bono o título de “maior banda de rock do mundo”. Por Mauro Ferreira
ÁLBUM MEDIANO QUE TIROU O U2 momentaneamente da linha de frente do rock mundial, No Line on the Horizon (2009) rendeu uma turnê monumental, de ambiência inovadora e repôs o quarteto no topo. Status reiterado pelo cinematográfico registro de U2 360° Tour, captado em outubro, no estádio Rose Bowl, em Pasadena (Califórnia, EUA). Lançado nos formatos DVD e Blu-Ray, o show impressiona pela grandiosidade. O tratamento das imagens, trabalhadas com contrastes de cores, envolve e transporta o espectador para o espetáculo – qualidade rara em registros audiovisuais de shows, quase todos burocráticos e uniformes.
Em giro mundial previsto para terminar em Roma, em outubro deste ano, a turnê hi-tech inovou, sobretudo, por conta do palco, estruturado pelo arquiteto Mark Fisher na forma de uma “aranha” que envolve público e músicos com suas “pernas” alocadas em estrutura circular, deixando a banda no centro da arena. Ao captar o show, o diretor Tom Krueger explorou ângulos incomuns, possibilitados pela construção do palco gigante. Mas U2 360º at the Rose Bowl não seduz somente pelos efeitos tecnológicos. Estes servem tão somente ao “senhor” Bono, que faz sua pregação messiânica em roteiro que agrega, em 23 números, músicas do último álbum, clássicos (“Sunday Bloody Sunday” e “With or Without You”, entre eles) e temas menos batidos (caso da balada “In a Little While”,do álbum de 2001 All That You Can’t Leave Behind). O coro que acompanha “I Still Haven’t Found What I’m Looking for” atesta o poder doutrinador do canto de Bono, que emenda a canção com “Stand By Me”.
O registro não se limita a reproduzir o show. A edição dupla exibe o documentário Squaring the Circle: Creating U2 360°, que detalha a criação e a construção da turnê, e vídeos de músicas de 'No Line On The Horizon', como “Magnificent” e “Get On Your Boots”. Enfim, é um registro digno de turnê grandiosa que, infelizmente, não incluiu o Brasil em sua rota mundial.

terça-feira, 29 de junho de 2010

Bono dobra participação no Facebook

Bono, o carismático líder do U2, está empenhado em dominar o Facebook e acaba de investir mais 120 milhões de dólares na rede social.
O investimento foi feito com os seus sócios na Elevation Partners. Deste modo, Bono e companhia já investiram 210 milhões de dólares, o equivalente a 170 milhões de euros.
Analistas económicos aceitam que o investimento de Bono e da Elevation Partners é uma tentativa para inverter as perdas registradas com negócios anteriores, concretamente no fabricante de telefones móveis, Palm Inc., onde em Dezembro de 2008 investiram 500 milhões de dólares (404 milhões de euros) antes das ações afundarem.

Pocket Show do U2 Cover Brasil, para o lançamento do DVD 'U2 360° At The Rose Bowl'

Admirados pela fidelidade com que reproduzem as músicas e o espírito da banda irlandesa, o U2 Cover ( http://www.u2cover.com/ ) fez um pocket show com 15 canções na Saraiva Megastore do shopping Center Norte em São Paulo, para celebrar o lançamento do DVD 'U2 360º at the Rose Bowl'.
-----------------------
Sobre o U2 Cover Brasil:Formada em 1989, essa banda se consagrou como uma das maiores banda covers de U2 do Brasil.
 

Uma casa noturna em São Paulo passou a promover festas que homenageavam a carreira de famosos conjuntos musicais, no final da década de 80. Dessa forma, ocorriam diferentes shows covers específicos de determinados grupos, até que chegou a vez do U2. Haveria uma festa no dia 10 de maio de 1989, dia do aniversário de Bono, nada melhor do que uma banda homenageando ao U2. Éverson Cândido, locutor de rádio atuante no mercado paulistano e fã declarado da banda, foi convidado para cantar no evento. Então reuniu alguns companheiros e foi "brincar de interpretar U2", como ele mesmo conta. O show foi um enorme sucesso. Surgiu então a U2Cover, batizada pelo público como uma referência à festa que se chamava Vídeo Cover.  
Desde então, a história que começou como brincadeira ganhou maiores proporções, resultando num trabalho que conquistou grande reconhecimento, com a realização de shows nas melhores casas do país, do Oiapoque ao Chuí, literalmente, e várias aparições na tv, rádios e mídia escrita.  
Estiveram presentes em programas televisivos de grande visualização como Domingão do Faustão (Globo), Jô Soares (SBT), Silvia Poppovic (Bandeirantes), Verão Vivo (Bandeirantes, nas praias ao vivo), Matéria Prima (TV Cultura) e Programa Livre (SBT) com Serginho Groisman, Vídeo Show (Globo), MTV no Ar (MTV), Programa O+ (Band) além de programas nas redes Record, Canal 21 e Gazeta (SP). 
 
O talento e o reconhecimento da banda levou-a para fazer shows fora do país como Bolívia e Paraguai.

Tomorrow - Tradução

Won't you come back tomorrow?
Você não vai voltar amanhã?

Won't you come back tomorrow?
Você não vai voltar amanhã?

Won't you come back tomorrow?
Você não vai voltar amanhã?

Can I sleep tonight?
Posso dormir esta noite?

Outside
Lá fora

Somebody's outside
Alguém do lado de fora

Somebody's knocking at the door
Alguém está batendo na porta

There's a black car parked
Há um carro preto estacionado

At the side of the road
Ao lado da estrada

Don't go to the door
Não vá para a porta

Don't go to the door
Não vá para a porta

I'm going out
Estou saindo

I'm going outside mother
Estou indo lá fora, mãe

I'm going out there
Estou indo lá para fora

Won't you be back tomorrow
Você não vai voltar amanhã?

Won't you be back tomorrow
Você não vai voltar amanhã?

Will you be back tomorrow
Você estará de volta amanhã?

La la la la la


Who broke the window
Quem quebrou a janela?

Who broke down the door
Quem derrubou a porta?

Who tore the curtain
Quem rasgou a cortina?

And who was He for
E para quem Ele serviu?

Who healed the wounds
Quem curou as feridas?

Who heals the scars
Quem cura as cicatrizes?

Open the door
Abra a porta

Open the door
Abra a porta

Won't you come back tomorrow
Você não vai voltar amanhã?

Won't you be back tomorrow
Você não vai voltar amanhã?

Will you be back tomorrow
Você estará de volta amanhã?

Can I sleep tonight
Posso dormir essa noite?

Cause I want you...I...I want you...
Pois eu quero você... Eu... Eu quero você...

I really...I...I want...I...I...
Eu realmente... Eu... Eu quero... Eu....Eu

I want you to be back tomorrow
Eu quero que você esteja de volta amanhã

I want you to be back tomorrow
Eu quero que você esteja de volta amanhã

Will you be back tomorrow
Você estará de volta amanhã?

La la la la la


Won't you be back tomorrow
Não estarás de volta amanhã?

Won't you be back tomorrow
Você não vai voltar amanhã?

Will you be back tomorrow
Você estará de volta amanhã?

Open up, open up
Se abra, se abra

To the lamb of God
Para o cordeiro de Deus

To the love of He who made
Para o amor Daquele que fez

The blind to see you
O cego vê-lo

He's coming back
Ele está voltando

He's coming back
Ele está voltando


Oh believe Him
Oh acredito Nele

Jesus coming
Jesus virá

I'm gonna be there
Eu estarei lá

I'm gonna be there mother
Eu estarei lá mãe

I'm gonna be there mother
Eu estarei lá mãe

I'm going out there
Eu vou lá fora


We're gonna be there...
Nós vamos estar lá...


U2 é a banda mais poderosa do mundo

Segundo a lista da Forbes, U2 é a banda mais importante do mundo, figurando na lista em 7° lugar. Na frente do U2 estão estrelas do cinema, artistas solo e apresentadores de TV.
A líder da tabela no ano passado era a atriz Angelina Jolie, que este ano caiu para a 18ª posição.
A lista da Forbes é realizada anualmente e tem em conta não só os lucros financeiros mas também a exposição na mídia (em televisão, imprensa, rádio, online e revistas sociais). Estes são os vinte mais poderosos:

1. Oprah Winfrey
2. Beyoncé Knowles
3. James Cameron
4. Lady Gaga
5. Tiger Woods
6. Britney Spears
7. U2
8. Sandra Bullock
9. Johnny Depp
10. Madonna
11. Simon Cowell
12. Taylor Swift
13. Miley Cyrus
14. Kobe Bryant
15. Jay-Z
16. Black Eyed Peas
17. Bruce Springsteen
18. Angelina Jolie
19. Rush Limbaugh
20. Michael Jordan

segunda-feira, 28 de junho de 2010

Torcida de grego: Bono, o pé frio

A bola rola na África do Sul há 18 dias e já presenciamos diversas celebridades nas tribunas dos estádios. No entanto, os famosos não têm levado muita sorte às suas seleções. O site 'Fanáticos por Futebol' relembrou algumas das principais estrelas que disputam o troféu ‘Pé Frio’ do Mundial, como Zidane, Bill Clinton, Mick Jagger. E uma figurinha carimbada está entre eles: Bono!
Um dos favoritos em levar o troféu ‘Pé Frio’ é Bono. Antes de o Mundial começar na África do Sul, o líder do U2 já havia manifestado sua torcida para a Costa do Marfim por dois motivos: primeiro pela bandeira da seleção africana ter as mesmas cores que a Irlanda (verde, branco e laranja) e segundo pela sua amizade com Didier Drogba.

Ambos participam da campanha da NIKE Lace Up. Save Lives contra a AIDS na África.
Para começar, o atacante sofreu uma lesão no cotovelo durante um amistoso contra o Japão. O camisa 11 teve que passar por uma cirurgia no braço direito e chegou a ser dúvida para a Copa. Porém, o marfinense se recuperou e entrou no segundo tempo no empate sem gols com Portugal na primeira partida da competição.

Apesar de Drogba ter feito dois gols no Mundial, o atacante não conseguiu classificar a Costa do Marfim às oitavas-de-final.
A seleção brasileira também não escapou da 'zica' de Bono. Em 1998, o U2 fez três shows no Brasil e em uma das apresentações em São Paulo (31/01), o quarteto irlandês apareceu no palco com a camisa verde-amarela, inclusive Bono, que pediu para ganharmos a Copa para a Irlanda. Seis meses depois, o Brasil perdia por 3 a 0 para a França, na final da Copa do Mundo.
Em fevereiro de 2006, o U2 novamente voltou para o Brasil e fez dois shows em São Paulo. Para interagir com o público, o vocalista repetiu inúmeras vezes o nome de Ronaldo e afirmava que a seleção brasileira seria Hexa. Mas para a tristeza dos torcedores, no Mundial da Alemanha o Brasil foi eliminado pela França, nas quartas-de-final.


E para quem é mesmo superticioso, assista aqui a entrevista de Bono ao Fantástico, em que ele fala em torcer também para a nossa Seleção nesta Copa:


Xiiii, Hexa ameaçado!

Paul McCartney seguiu os passos do U2 e transmitiu concerto beneficente via YouTube

O eterno Beatle Paul McCartney adora ações sociais e shows por uma boa causa. Por isso, a apresentação do cantor no Festival Hard Rock Calling foi transmitido gratuitamente através do site YouTube, diretamente do Hyde Park em Londres.
Esta não é a primeira vez em que o Youtube transmite uma apresentação ao vivo. No final de 2009, um dos shows da turnê 360º do U2, realizado no estádio Rose Bowl, em Pasadena, Estados Unidos, também foi exibido pelo site em tempo real.
A transmissão fez parte de uma campanha chamada Born Free HIV ( http://www.bornhivfree.org/f/#/en/home ), que tem como embaixadora a cantora e primeira-dama francesa Carla Bruni-Sarkozy, que declarou: “O concerto partilhará nossa crença comum de um mundo onde crianças possam nascer livres do HIV”.
Durante um mês, o vídeo com a transmissão do show de McCartney ficará disponível no canal do YouTube da campanha. Outros artistas também estão apoiando a iniciativa, como a cantora Amy Winehouse, o grupo irlandês U2 e o estilista francês Jean-Paul Gaultier.


Assista no canal oficial da campanha, o show de Paul: http://www.youtube.com/user/BornHIVFree

domingo, 27 de junho de 2010

The Edge representa o U2 no Glastonbury 2010, tocando com o Muse

A banda Muse se apresentou horas atrás no festival britânico Glastonbury no palco Pyramid Stage, e trouxe um convidado especial. O show contou com a presença de The Edge, o guitarrista do U2.
The Edge participou de um cover da música de sua banda, e a escolhida foi o clássico “Where The Streets Have No Name”. Ao todo, o Muse tocou 21 canções, com alguns medleys.
O U2, que iria tocar no festival, foi substituído pelo Gorillaz por causa de um acidente envolvendo o vocalista Bono.
O Glastonbury, que comemora seus 40 anos, conta ainda com artistas como Shakira, Kylie Minogue, Stevie Wonder, entre outros. As apresentações se encerram nesse domingo, 27 de junho.
Michael Eavis, que fundou o festival em 1970, disse que a noite de sábado, quando o grupo inglês Muse foi acompanhado por The Edge, guitarrista do U2, como um dos melhores momentos de Glastonbury 2010.
Setlist do Muse:
‘Uprising’
‘Supermassive Black Hole’
‘New Born’
‘Map Of The Problematique’
‘Guiding Light’
‘Citizen Erased’
‘Nishe’
‘United States Of Eurasia’
‘Feeling Good’
‘Undisclosed Desires’
‘Resistance’
‘Hysteria’
‘Time Is Running Out’
‘Starlight’
‘Stockholm Syndrome’
‘Where The Streets Have No Name’
‘Plug In Baby’
‘Knights Of Cydonia’

sábado, 26 de junho de 2010

The Edge pode tocar com 'Muse' no Glastonbury

Após o cancelamento da apresentação do U2 no festival Glastonbury, The Edge pode participar hoje do show do Muse. As informações são do site Spinner.
Na semana passada, o Muse confirmou que tinha preparado algo especial para o show. Ontem, a radio BBC 6 disse que The Edge pode ser a tal surpresa. De acordo com a estação, quem confirmou a notícia foi o organizador do festival, Michael Eavis.
A apresentação do Muse é a primeira programada para este sábado (26), mas até o momento nem o festival, a banda ou The Edge se pronunciaram oficialmente sobre o assunto.

sexta-feira, 25 de junho de 2010

Fãs ironizam ausência do U2 em Glastonbury

Programado para ser headliner das comemorações de 40 anos do festival de Glastonbury, o U2 teve que cancelar sua apresentação em cima da hora em função de uma cirurgia de emergência feita nas costas do vocalista Bono, que agora se recupera.
Como o U2 se apresentaria na data de hoje no festival, um dos espectadores apareceu no meio do público com uma placa lembrando o episódio. "I Survived Glastonbury but U2 did'nt" (Eu sobrevivi a Glastonbury mas o U2 não), dizia.

No Brasil, DVD novo do U2 já ultrapassou 60 mil cópias vendidas em uma semana

Enquanto Bono vai aos poucos se recuperando do acidente que sofreu em maio, os fãs do U2 continuam com saudades da banda. Os brasileiros, então, nem se fala. A prova fica por conta dos ótimos resultados de vendagem do recém-lançado novo trabalho do quarteto irlandês, U2 360º At The Rose Bowl.
Segundo informações da gravadora Universal Music, que distribui a obra do grupo no Brasil, mais de 60 mil cópias do DVD foram vendidas por aqui em apenas uma semana. Esses números proporcionarâo à banda um disco de platina duplo.
Mesmo no recente formato de vídeo Blu-Ray, ainda não muito difundido em nosso país, conseguiu bons resultados, com mais de 10 mil cópias vendidas. A gravadora garante ser o título musical mais vendido no Brasil, neste formato.

quinta-feira, 24 de junho de 2010

Empresário confirma volta de Bono aos palcos

Em entrevista ao jornal australiano Herald, o empresário do U2, Paul McGuinness, revelou que o vocalista Bono deve voltar aos palcos em breve. A informação é da Rolling Stone Brasil.
"Ele está se recuperando completamente. Os médicos me disseram que ele vai ficar bem. Foi uma cirurgia séria, mas ele está em forma", disse o empresário.
McGuinness contou ao periódico que a parte europeia da turnê não será adiada e terá início no dia 6 de agosto, como previsto originalmente. De acordo com o empresário, a grande estrutura do palco do U2 não teve relação com o acidente de Bono. "É um palco grande para se circular, mas não. Ficarei bastante aliviado quando o vir correr por ele novamente", disse.
Ainda segundo McGuinness, a turnê norte-americana deverá ser reagendada para o verão de 2011. Mais informações serão divulgadas nos próximos dias.

Um ano sem o Rei do Pop: Bono presente em livro que relembra Michael Jackson

Um ano após sua morte, que completa 1 ano neste dia 25 de junho, Michael Jackson volta a ser o centro das atenções no mundo pop, com uma série de tributos de fãs e especiais de TV e rádio sobre o cantor programados para os próximos dias. E a antes fraca bibliografia em português a respeito do artista ganha reforços de peso com novos títulos que chegam às prateleiras.
Ricamente ilustrado, o livro “Michael Jackson – O Rei Do Pop 1958-2009” (Nacional) é uma biografia mais tradicional do cantor, contada em ordem cronológica e dividida em capítulos nomeados pelos discos, turnês e músicas lançados por Jackson, como “Off The Wall” e “Dangerous”.
Escrita por Chris Roberts, autor de livros sobre Lou Reed e Scarlett Johansen e editor de um livro sobre a relação entre músicos e fãs com artigos assinados por músicos como Bono (U2), Thurston Moore (Sonic Youth) e Stephen Malkmus (Pavement), a biografia de Jackson é simpática com a vida do cantor e não traz muitas novidades para os fãs mais antenados – exceto talvez pela parte final, dedicada às últimas homenagens ao rei do pop e ausente em outros livros sobre o astro.


No dia 25 de junho de 2009 o mundo perdeu o seu rei do pop. Michael Jackson morreu em casa sob circunstâncias estranhas, às vésperas de uma turnê de volta que começaria em Londres. Deixou fãs inconsoláveis, dívidas milionárias e uma obra valiosa.
=======================
Vídeos do U2 homenageando MJ:

Estadão: chega às lojas novo DVD do U2 gravado nos EUA

Ainda rodando o mundo com a festejada turnê U2 360º, desencadeada pelo recente álbum "No Line on The Horizon" (2009), a banda irlandesa U2 registrou sua ovacionada passagem pelo estádio americano Rose Bowl, na Califórnia. Foi o maior show da banda no ano passado e também de todos os tempos nos Estados Unidos, com um público estimado em mais de 97 mil pessoas. Transmitido em tempo real pelo YouTube, o show teve mais de 10 milhões de acessos em uma semana. Foi a primeira apresentação num estádio com transmissão em tempo real pela internet.
Num palco high tech, apelidado de Estação Espacial(que precisa ser transportado por 120 caminhões), Bono, com sua postura de bandleader, divide a cena com seus velhos companheiros de banda: The Edge (guitarra), Adam Clayton(baixo), Larry Mullen Jr. (bateria). No show, o quarteto exibe o entrosamento de mais de 30 anos de estrada, o que elevou a trupe à condição de uma das maiores bandas do mundo. Afinal, a boa química de um grupo de longa data, como o U2, vem dos bastidores.
Antes de emendar "I Still Haven't Found What I'm Looking For", Bono, como de praxe, faz uma breve introdução de seus amigos músicos. E se refere a eles sempre de forma carinhosa. Apresenta o baterista Mullen como um cara que continua em plena mudança e o baixista Clayton como o Clark Gable da banda, sofisticado, suave. "Todo filme de ficção precisa de um visitante de outro planeta", brincou Bono, citando outra figura, o guitarrista The Edge. "Eu sou alguém entre Arnold Schwarzenegger e Danny DeVito, com alguma coisa de Dennis Hopper", descreve-se o vocalista, bem-humorado.
No set list, eles não quebram o protocolo e executam os grandes sucessos da carreira, como "Vertigo", "One", "Mysterious Ways", "Sunday Bloody Sunday", "With Or Without You". Mas justificam a turnê com canções da nova safra, entre elas, as excelentes Magnificent, e Moment of Surrender.
O show foi filmado em HD, com direção de Tom Kruger, que já havia trabalhado com a banda no filme U2 3D, durante a turnê Vertigo. Ao todo, foram usadas 27 câmeras. Disponível na versão regular e num formato de luxo, com dois DVDs, "U2 360° At The Rose Bowl" também será o primeiro show da banda lançado em Blu-Ray. A turnê continua este ano pelos EUA. Na Europa, começa em Turim, na Itália, no dia 6 de agosto. As informações são do Jornal da Tarde.

Capítulo 22 - Projeto beneficente, banda da década e nocaute

Bob Geldof juntamente com Midge Ure, do Ultravox, compôs uma canção chamada “Do They Know It’s Christmas?”
A idéia era combater a fome na África, e Geldof convidou várias estrelas para a gravação do compacto, incluindo Bono e Adam Clayton, Sting, Paul Young, Boy George, George Michael, Phil Collins, Duran Duran David Bowie e Mick Jagger.
The Edge ficou doente e não pode participar, e a não presença de Larry é desconhecida.
O evento foi filmado por sete televisões. As várias vozes dividiam pequenas linhas da canção: Paul Young, Sting, Simon Le Bon, George Michael, Boy George e Bono. E o que era para ser uma pequena diversão virou um sucesso imenso: cerca de 600 mil cópias foram vendidas em cinco dias e o compacto vendeu, no total, cerca de 3 milhões de cópias. Como não puderam comparecer aos estúdios, Jagger e Bowie lançaram um compacto com um clássico da Motown e deram todo o dinheiro arrecadado para o projeto: “Dancing in the Street”. Ao final, foram arrecadados oito milhões, o que inspirou Geldof a fazer o maior show da década meses depois. Mas antes do Live Aid, eles tiveram outra agradável notícia e um contratempo.
O U2 seguiu para a América para uma série de 12 shows entre os dias 12 de dezembro de 1984 até 5 de janeiro de 1985. Neste último, Bono se juntou ao Simple Minds para cantar “New Gold Dream”.
Quando tudo parecia calmo, um pequeno incidente iria acabar com a paz, envolvendo Adam Clayton.
No dia 10 de janeiro, o baixista havia nocauteado um policial e o arrastado por vários metros após berrar com ele para cessar o barulho. Adam foi detido e ficou sem sua carteira de habilitação por dois anos. Clayton acabou virando manchete dos jornais. A perda da carteira e uma multa foram as únicas punições.
Refeitos da confusão, voltaram para a Europa para shows na Dinamarca, Suécia, Alemanha Ocidental, Itália, Suíça e França, encerrando com uma entrevista para Dave Fanning, em Dublin, no dia 18 de fevereiro.
Uma semana depois já voavam novamente para a América para mais 42 apresentações, sendo a última no dia 4 de maio, em Fort Lauderdale. Essa parte final da excursão foi muito importante para a banda por dois motivos: em abril a Rolling Stone colocou novamente a banda na capa, mas desta vez, não apenas como a banda do ano e sim como a banda da década de 80. E a alegria foi maior ainda quando conseguiram lotar o imenso Madison Square Garden, em Nova York, no dia 1º de abril, com quase todos os familiares dos integrantes presentes. O repertório desse show inesquecível para o U2 teve as seguintes músicas: "11 O'clock Tick Tock, I Will Follow, Seconds, Two Hearts Beat As One, MLK, The Unforgettable Fire, Wire, Sunday Bloody Sunday, The Electric Co., A Sort Of Homecoming, Bad, October, New Year's Day, Pride (In The Name Of Love)", Knocking On Heaven's Door, Gloria e 40".
Voltam para a Irlanda como heróis nacionais e pela primeira vez em muitos anos, Bono conversa com seu pai sobre seu futuro. Explica que todo o dinheiro e fama não o mudariam. Ele seria o Paul que seu pai tanto amava e que o U2 era mais do que uma banda de rock, era sua vida. A fé do cantor tranqüilizou seu pai, que o abraçou e o abençoou. Finalmente Bono e Bobby estavam em paz a partir de agora.
Entre março e abril dois lançamentos agitaram mais a vida do grupo: o vídeo The Unforgettable Colection e o novo single, do disco, exatamente a faixa-título: “The Unforgettable Fire”.
O vídeo captura os meses da gravação do disco e que recebeu críticas entusiasmadas. Dirigido pelo velho amigo Barry Devlin,, além de Meiert Avis e Donald Cammell trazia também duas músicas do disco apresentadas ao vivo, “Bad” e “A Sort Of Homecoming”, além de um clipe alternativo de “Pride”, bem diferente do clipe que ficou famoso e que ficou conhecida como “Versão 2”.
Em junho, outro lançamento: Wide Awake in America.
E assim o U2 estava quase pronto para o evento do ano e da década...

agradecimento: www.beatrix.pro.br/mofo

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Bono satisfeito com a publicação do relatório sobre o 'Bloody Sunday'

"How long must we sing this song?" A resposta à canção do U2, inspirada no Domingo Sangrento, chegou 38 anos depois.

O vocalista do U2 descreveu a publicação do relatório Saville como “um dos marcos mais extraordinários da história da Irlanda”. O relatório, guardado durante 38 anos, reúne as conclusões do episódio que ficou conhecido como Bloody Sunday, em 30 de Janeiro de 1972.
Numa crônica publicada no New York Times, Bono fala do episódio no qual 13 civis foram assassinados por militares britânicos como o dia no qual “a força militar dos dois lados se tornou a voz mais ouvida do conflito, o dia em que as pessoas desistiram da paz”.
O co-autor da música “Sunday Bloody Sunday” elogiou David Cameron que pediu desculpa pelo massacre. O primeiro-ministro britânico reconheceu que os manifestantes, dos quais 14 morreram, eram civis inocentes. No entanto, garante que “38 anos não desaparecem num discurso de 11 minutos”.
Bono, conhecido também por ser um defensor dos direitos humanos, o comércio justo e as condições de vida no terceiro mundo, acredita que a apresentação do relatório na Irlanda pode trazer esperança para outros países. “O relatório Saville trouxe transparência e clareza, porque na sua essência, concede a cada pessoa envolvida na catástrofe o seu próprio papel.”

O Globo: última superprodução do U2 chega ao DVD

A guitarra de Edge puxa o riff de "Get On Your Boots", e o planeta U2 se revela em toda a sua magnitude no Rose Bowl, na Califórnia, no novo DVD da superbanda irlandesa, "U2 360°" (Universal), gravado no dia 25 de outubro de 2009. Em formato de arena - a banda no centro do estádio, com uma espécie de nave espacial à sua volta -, o DVD mais uma vez coloca um show do U2 como o maior espetáculo da Terra.
Em excelente forma - que será testada no dia 6 de agosto, quando a turnê será retomada, em Turim, na Itália, depois da cirurgia sofrida pelo cantor Bono no mês passado, depois de uma grave lesão na coluna -, o quarteto cinquentão alterna músicas mais recentes, como "Magnificent", e clássicos como "I Still Haven't Found What I'm Looking For" (que conta com um belíssimo coro, meio claudicante no andamento, de dezenas de milhares de vozes), "Elevation" e "The Unforgettable Fire". O som vai naturalmente do mais acústico, como na versão de voz e violão de "Stuck In A Moment You Can't Get Out Of", com Bono e Edge caprichando nos vocais, à farra eletrônica de "I'll Go Crazy If I Don't Go Crazy Tonight", em que o baterista Larry Mullen Jr. solta os demônios sobre um atabaque.
- Ele encenou a própria morte em 1955, foi para a Irlanda e agora está aqui, o nosso James Dean - brinca Bono ao apresentar Mullen Jr.
Mesmo a parte do ativismo, que poderia quebrar o clima, apenas dá um ar pitoresco ao show, com um discurso simpático do Nobel da Paz sul-africano Desmond Tutu. Agora é torcer para Bono ficar 100% e para a turnê passar pelo Brasil.

terça-feira, 22 de junho de 2010

Bono se diverte em casa de ópera - Arquivo 'Bono 50 Anos'

Salma Hayek e convidados de seu casamento fazem karaokê em Veneza - 27/04/2009
O casamento da atriz em Veneza com o milionário Francois-Henri Pinault virou uma longa sessão de karaokê, com famosos se alternando no microfone.
A recepção após a cerimônia foi na casa de ópera La Fenice e, graças à presença do vocalista do U2, Bono, várias celebridades se arriscaram no palco.
Salma cantou "Stand By Me" ao lado de Bono, Damien Rice e Cherlize Theron. Esta última de um bis acompanhada pela estilista Stella McCartney - a dupla cantou "Don't Cry For Me Argentina", da trilha sonora de "Evita".
A noiva também voltou ao palco, com Stella e Cherlize, para cantar "(I Can't Get No) Satisfaction", do grupo Rolling Stones.
E, no final, Salma e Francois foram presenteados pelos cerca de 150 convidados com uma versão de "Over the Rainbow", o clássico do filme "O Mágico de Oz".
A festa contou com a presença da super amiga Penélope Cruz e de seu namorado Javier Bardem, Bono e sua esposa, Edward Norton, Charlize Theron e namorado, Stuart Townsend, Stella McCartney, Anna Wintour, a toda poderosa editora da Vogue americana, Gabriel Garcia Bernal, David Blaine, do diretor Alejandro Gonzalez Iñarritu, Ashley Judd e até do ex-presidente da França, Jacques Chirac.

segunda-feira, 21 de junho de 2010

U2 Love: Live from the Point Depot

Este show de 1989 da Love Town Tour foi gravado ao vivo no Point Depot em Dublin, em 31 de dezembro daquele ano. O show começou pouco antes da meia-noite, e foi iniciado com "Auld Lang Syne" para começar a nova década.
Este álbum digital lançado como parte do 'The Complete U2', de Novembro de 2004; capta todo o show, o quarto de uma série de shows do U2 na cidade naquela semana. Embora nunca tenha sido lançado comercialmente pelo U2, esse show foi transmitido ao vivo em toda a Europa e vários bootlegs com qualidade de mesa de som foram aparecendo para os fãs ao longo dos anos.
Os fãs da banda montaram fitas cassetes desse show para eles mesmo, e a edição número 12 da revista do fã clube Propaganda veio com uma capa destes cassetes especialmente concebidos para aqueles que tinham gravado o show em casa em suas fitas.
O áudio para este lançamento digital foi remasterizado e é um excelente registro da turnê do álbum Rattle And Hum. Com qualidade 256kbs, formato aac (.mp4).


RTE, Ireland: U2 Profile

A televisão irlandesa RTE transmitiu esse profile sobre o U2, com imagens raras da banda, fragmentos de apresentações, entrevistas e depoimentos de jornalistas, como Dave Fanning e Brendan O'Connor.
O interessante desta matéria são os trechos raros das apresentações de Street Mission em 1978, no 'Youngline', e de Lost On A Distant Planet, no 'Pop On The Box', de 1979.

Não contém legendas em português.


Magnificent: ESPN/ABC World Cup 2010 Promo

Mini clipe para a ESPN com música do Soweto Gospel Choir gravado e filmado na África do Sul, com a música Magnificent e performance da canção do U2 no concerto em 2009 no Rose Bowl.

Não é sobre política ou religião ou a economia.
Não se trata de fronteiras, história, comércio, petróleo, água, gás, direitos minerais, direitos humanos ou dos direitos dos animais.
Não é sobre aquecimento global, pandemias globais, globalização, PIB, OTAN ou Kyoto.
Não se trata de eleições ou sanções, proliferações, ele disse, ela disse, minha terra, sua terra, terra de ninguém.
Não é sobre o mercado de ações, mercado negro, alerta laranja, estufa, esperança, mudança, medo ou ódio.
Não é sobre comunismo, socialismo, capitalismo, guerra ou paz, amor ou ódio.
Isto é sobre um mês a cada quatro anos, quando todos nós concordamos numa coisa: 32 nações, um mundo assistindo a Copa do Mundo de 2010.


domingo, 20 de junho de 2010

BBC U2 Restropective

O especial preparado pela BBC conta a história do U2 através de performances ao vivo na BBC ao longo de seus quase 30 anos de carreira desde a sua formação em Dublin, em 1978.
Transmitido pelo canal à cabo Multishow este ano, com legendas em português nas letras das canções.

Dividido em 06 partes:











sábado, 19 de junho de 2010

U2: liderança absoluta de vendas do DVD 360°

As vendas deste DVD são superiores às dos primeiros lugares dos tops de CD e coletâneas em alguns países.
'U2360° At The Rose Bowl', a gravação do penúltimo concerto da turnê U2360°, do ano passado; foi a maior vendagem esta semana em Portugal, Brasil, Espanha.
No site http://www.hot100brasil.com/ podemos ver a liderança do DVD aqui no Brasil!

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Mais promos da Copa do Mundo 2010, com U2 e 'Soweto Gospel Choir'

Novos vídeos do Soweto Gospel Choir, em sincronia com performances do U2 em seus shows no Rose Bowl, em Pasadena 2009.
Promos veiculados pelo canal ESPN para a Copa do Mundo da África, 2010.


Amazing Grace - ESPN - 2010 FIFA World Cup Commercial.



Where The Streets Have No Name - ESPN - 2010 FIFA World Cup Commercial

Bono e sua contribuição para o 'Projeto Fome Zero' - Arquivo 'Bono 50 Anos'

No dia 21.02.2006, Bono disse ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva que leiloaria uma guitarra de sua coleção, e que a verba obtida seria doada ao Fome Zero.
O astro irlandês se comprometeu com o programa em almoço com Lula ocorrido dois dias antes na Granja do Torto, onde se fartou de carnes, peixes, frutas e pudim de tapioca.
O instrumento escolhido por Bono foi usado por ele em sua última apresentação em São Paulo, que ocorreu no estádio do Morumbi. Ele autografou a peça.
"Foi um grande encontro, com um almoço maravilhoso", afirmou o cantor após a reunião com o presidente, a quem classificou como uma "grande novidade" no mundo. "O Século 21 é o século da América Latina, e o Brasil é a primeira liderança da América Latina".
Após o almoço, Bono ainda passeou por Brasília com o ministro da Cultura Gilberto Gil e se disse admirador de Oscar Niemeyer, arquiteto que projetou boa parte da capital.
Em 17 de julho de 2007, as guitarras do líder do U2 e do jazzista George Benson, além de onze obras de arte doadas ao Fome Zero, ficaram em exposição no Espaço Fiesp, na entrada da sede da entidade (Av. Paulista, 1.313, São Paulo). A mostra foi aberta pelo ministro do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Patrus Ananias, e pelo presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo, Paulo Skaf. O dinheiro arrecadado no leilão das guitarras e dos quadros seria usado para construir cisternas no Semi-Árido.
A guitarra de Bono era da marca Gretsch, modelo G6136I Bono Irish Falcon. A guitarra é acústica e vem em um estojo forrado com uma espécie de pele sintética. São 21 trastes e entre eles há um detalhe em madrepérola.
Cerca de 80 convidados participaram do leilão, que ocorreu durante a 1ª Mostra Fiesp de Responsabilidade Socioambiental, realizada no Pavilhão da Bienal em 03 de Agosto de 2007. Ao todo, 22 objetos foram colocados à venda e apenas oito não foram arrematados e seriam leiloados depois. Diversos artistas doaram quadros e esculturas, enquanto o Banco do Brasil doou duas camisetas da seleção brasileira masculina de vôlei, campeã dos últimos Jogos Pan-Americanos e sete vezes campeã do mundo. Empresários também doaram, na hora, um par de brincos de ouro incrustados com diamantes, leiloados por R$ 2.500,00.
O irlandês Sean Harton, também fã de Bono, arrematou o instrumento de Bono por R$ 15 mil reais.
No total, o leilão arrecadou R$ 51.850,00, o equivalente a 37 cisternas.

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Duas versões cover de 'One' na série 'Glee'

Glee é a uma série do criador de Nip/Tuck, Ryan Murphy.
Esta série de comédia, retrata o cotidiano de adolescentes em um clube musical de um colégio norte-americano.
A trilha da série sempre inclui covers de músicas de bandas como Beatles, Aerosmith, Kiss, Journey.
O U2 teve sua canção 'One' regravada para a primeira temporada, Episódio 18 (Laryngitis). E duas versões da canção foram produzidas, ambas uma mistura da versão original do U2 e a versão de Mary J Blige com participação do U2:


Versão de Estúdio



'Show Version' é uma versão diferente da versão de Estúdio. Ela é mais curta, tem uma introdução e um final diferente.

Prejuízo milionário para o U2

Custará caro para o U2 a contusão que levou o vocalista Bono a sofrer uma operação na coluna em maio. Em função dos inúmeros shows que tiveram de ser cancelados para que o astro possa se recuperar, a banda deve ter um prejuízo em torno de R$ 264 milhões.
A recuperação de Bono demora cerca de dois meses, o que já levou ao cancelamento de 17 shows, incluindo o Festival de Glastonbury.
Quem divulgou esse número estratosférico foi o jornal britânico The Sun, baseando-se em informações fornecidas pelo empresário do consagrado grupo irlandês, Paul McGuinness. Eles iriam iniciar uma turnê mundial que teria como destaque em junho a primeira participação no tradicional festival de Glastonbury, na Inglaterra, que comemorou 40 anos em 2010.
'Tocando ou não tocando, esta turnê custa mais de 400 mil euros por dia', comentou o manager do grupo, Paul McGuinness. "O Bono e a banda estão cobertos pelo seguro, mas toda a equipe e os lugares cancelados podem facilmente custar 100 mil libras até ele estar em forma o suficiente para se apresentar".
Esses números acabaram aparecendo na imprensa após a notícia de que o baixista do U2, Adam Clayton, estaria processando o responsável pela administração das finanças do grupo, alegando negligência por parte desse profissional.
O cachê do U2 por espetáculo é perto de 1,5 milhões de euros, mais parte dos lucros dos ingressos devido ao contrato com a Live Nation. A mesma publicação estima que neste momento a banda esteja perdendo algo em torno de 4 milhões de euros por cada show cancelado.
Enquanto isso, a banda ainda se prepara para anunciar oficialmente, nos próximos dias, como ficarão as novas datas da turnê. Segundo o guitarrista The Edge comentou informalmente através do site do U2, as apresentações poderão ter início a partir de agosto.

Gone - Tradução

Do álbum 'Pop'.

Gone
v pp de go • adj 1 foi, ido, andado. 2 perdido, desesperador. 3 morto, passado.


 Você começa a se sentir tão culpado
You get to feel so guilty
Conseguiu tanto por tão pouco
Got so much for so little
Então você descobre que aquele sentimento apenas não irá desaparecer.

Then you find that feeling just won`t go away

Você está segurando em cada pequena coisa tão firmemente

You`re holding on to every thing so tightly
Até que não reste nada deixado por você de qualquer maneira.
Till there`s nothing left for you anyway
Adeus
Goodbye
Você pode manter esse ‘showzinho’ de luzes
You can keep this suit of lights
Eu estarei no alto com o sol
I`ll be up with the sun
Eu não vou descer
I’ m not coming down
Eu não vou descerI`m not coming down
Eu não vou descer
I`m not coming down

Você queria tanto chegar a algum lugar, tão mal
You wanted to get somewhere so badly
Você teve que se perder ao longo do caminho.
You had to lose yourself along the way
Você muda seu nome mas está tudo bem
You change your name well that`s okay
É necessário
It`s necessary
E o que você deixa para trás
And what you leave behind
Você não sente saudades mesmo.

You don`t miss anyway

Adeus

Goodbye
Você pode manter esse ‘showzinho’ de luzes
You can keep this suit of lights
Eu estarei no alto com o sol
I`ll be up with the sun
Eu não vou descer
I’ m not coming down
Eu não vou descer

I`m not coming down
Eu não vou descer
I`m not coming down

Porque eu realmente já fui....
Cause I`m already gone
Sentir daquela maneira todo tempo
Felt that way all along
Mais perto de você todos os dias
Closer to you every day
Eu não quis mais aquilo tanto assim
I didn`t want it that much anyway

Você está dando passos que a fazem sentir perturbada
You`re taking steps that make you feel dizzy
Então você tem que aprender à gostar da maneira que sente
Then you learn to like the way it feels
Você machuca a si própria você machuca seu amante
You hurt yourself you hurt your lover
Então você descobre...

Then you discover
O que você pensava que era liberdade é apenas ganância
What you thought was freedom is just greed

Adeus

Goodbye
E é emocional

And it’s emotional
Boa noite
Goodnight
Eu estarei no alto com o sol

I'll be up with the sun
É você que ainda está segurando
Are you still holding on

Eu não vou descer
I’ m not coming down
Eu não vou descer
I`m not coming down
Eu não vou descer
I`m not coming down

Foi..... sol...... feito..... sol
Gone... sun... done... sun...
Foi....... sol...... foi...... sol
Gone... sun.... gone... sun...
Sol......Sun...


Original Version:


New Mix:

Blog U2 Sombras e Árvores Altas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...