Anúncios

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

U2 no livro 'Dias de Luta - O Rock e o Brasil Dos Anos 80'


O livro 'Dias de Luta - O Rock e o Brasil Dos Anos 80' é o registro de um período único da música brasileira. Na década de 1980, entraram em perfeita sincronia uma geração de artistas talentosos e uma indústria fonográfica ávida por novidades. Essa combinação, somada a um momento histórico propício a rupturas e recomeços, transformou o rock brasileiro em um fenômeno de massa inédito no país. Os jovens roqueiros tornaram-se popstars. A música cosmopolita tomou conta das rádios e das TVs. O rock virou um grande negócio. A história do rock brasileiro dos anos 80, da ascensão à queda, é reconstituída com precisão pelo jornalista Ricardo Alexandre.


José Roberto Mahr apresentava o Nova Tendências na 89FM e na Fluminense. "Eu trazia novidades tão frescas, que acabava conhecendo junto com o ouvinte. Era um tempo em que, se alguém da rádio entrasse numa gravadora e visse uma cópia do próximo disco do U2, esse tape misteriosamente desapareceria de cima da mesa, seria copiado, em pouco tempo apareceria novamente, e a música entraria no ar. Com a institucionalização do jabá, o novo do U2 ficaria rodando por semanas nos 'departamentos artísticos' das rádios e só tocaria depois que a gravadora fizesse alguma promoção". A WEA, lançando 'The Unforgettable Fire', procurou o departamento comercial da Cidade FM, e não da Fluminense, para uma promoção.
Se este era o destino do U2, imagine das pobres novas bandas brasileiras.
O circuito do rock tornara-se tão esquizofrênico, que teve início especialmente em São Paulo, uma inacreditável onda de bandas cover. A maior delas, o U2 Cover, tinha um cachê mais alto do que o Nenhum De Nós."
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Blog U2 Sombras e Árvores Altas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...